Criando o primeiro projeto Django

No artigo anterior vimos como configurar nosso ambiente de desenvolvimento para a criação de projetos Python e Django. Agora, com o ambiente devidamente configurado, veremos como criar o primeiro projeto Django utilizando as ferramentas instaladas 🙂

Criando projeto

O primeiro passo para criarmos nosso projeto com Django é abrir o PyCharm. Ao fazer isso, veremos a seguinte tela:


Dentre as três opções disponíveis, selecionaremos a “Create New Project” para criar o primeiro projeto do PyCharm. Ao fazer isso, seremos redirecionados para a seguinte tela:


Aqui, definimos a localização do projeto e onde será armazenada a virtualenv do mesmo. Se você não sabe o que é uma virtualenv, recomendo a leitura deste artigo.

Costumo armazenar a virtualenv de cada projeto em seu próprio diretório. Assim, cada projeto possuirá sua virtualenv isolada 🙂

Django - Fundamentos
Curso de Django - Fundamentos
CONHEÇA O CURSO

Depois de informar a localização do projeto e criar a virtualenv, podemos clicar em “Create” para que o PyCharm crie o diretório do projeto. No fim do processo, será exibida a seguinte tela:

Instalando o Django

Com o projeto do PyCharm criado, o primeiro passo é instalar o Django em nossa virtualenv. Para isso, o PyCharm possui uma interface gráfica que auxilia todo este processo, localizada em File > Settings > Project Interpreter (se você está utilizando o Windows ou Linux) ou PyCharm > Preferences (se você está utilizando o macOS).



É nesta janela que poderemos adicionar os pacotes à nossa virtualenv. Para isso, clicamos no botão “+” localizado no canto inferior esquerdo da janela, que exibirá uma tela para buscarmos pelo pacote desejado:


Nesta janela, buscamos pelo pacote “Django” e clicamos em “Install Package”. Após isso, o PyCharm (utilizando o PIP) vai baixar o pacote selecionado e instalar na virtualenv do projeto. Ao finalizar este processo, podemos fechar a janela e notaremos que o pacote foi instalado com sucesso:


Agora, voltando ao PyCharm, precisamos criar o projeto utilizando o Django. Para isso, no terminal integrado da IDE, digitamos o seguinte comando:

django-admin startproject primeiro_projeto

O comando acima irá criar um projeto Django chamado “primeiro_projeto” com a seguinte estrutura de pastas:


Basicamente, há quatro arquivos no projeto criado, onde a função de cada um deles pode ser vista abaixo:

  • settings.py: Arquivo para armazenar as configurações gerais do projeto, como os pacotes a serem utilizados, configurações de bancos de dados, localização de arquivos estáticos, etc.
  • urls.py: Arquivo para armazenar as rotas que serão utilizadas no projeto. Este arquivo armazenará as rotas do projeto em geral, é recomendável que cada aplicação do projeto possua um arquivo de rotas específico… Mas não se preocupe, falaremos sobre apps no próximo artigo 🙂
  • wsgi.py: Interface simples e universal para troca de informações entre servidores web e aplicações criadas com Python.
  • manage.py: Arquivo responsável por gerenciar o projeto como um todo. É, basicamente, um CLI para projetos Django.

Executando servidor Django

Com o projeto criado, podemos executar seu servidor de desenvolvimento para verificar se tudo está conforme planejado. Para isso, ainda no terminal do PyCharm, utilizamos o seguinte comando:

python manage.py runserver

Ao executar o comando acima, o servidor do Django será inicializado e poderemos acessá-lo através da rota http://127.0.0.1:8000, conforme é retornado no terminal:


Ao executar a rota citada acima em um navegador, teremos a seguinte página como resposta:


Esta (linda) página indica que a instalação foi feita corretamente e que estamos prontos para desenvolver nossa primeira aplicação com o Django o/

Ficou animado? Então fica ligado que no próximo artigo veremos como criar uma aplicação com o Django e iniciarmos seu desenvolvimento 😀

Até lá!!

Deixe seu comentário

Professor na TreinaWeb e graduando em Sistemas de Informação pelo Instituto Federal da Bahia. Apaixonado por desenvolvimento web, desktop e mobile desde os 12 anos de idade. Já utilizou todos os sistemas operacionais possíveis, mas hoje se contenta com o OSX instalado em seu notebook Samsung. Até passou em uma peneira do Cruzeiro, mas preferiu estudar Python.