Tecnologia O que é Inteligência Artificial (IA)?

Provavelmente você já ouviu falar de Inteligência Artificial, mas você sabe do que se trata essa tecnologia e do que ela é capaz? Confira neste artigo.

Marylene Guedes 26 de outubro de 2020

Ferramentas na área de Inteligência Artificial (IA) tem se tornado cada vez mais populares e até, de certo modo, mais acessíveis para profissionais que não possuem necessariamente conhecimentos específicos da área (como matemática).

Muitas empresas no mercado também começaram a notar de maneira mais efetiva como ferramentas de Inteligência Artificial podem as tornar mais competitivas.

O que é Inteligência Artificial (IA)?

Inteligência Artificial (IA) está relacionada à capacidade de máquinas aprenderem a pensar e a agir como humanos.

Esse avanço tecnológico permite que sistemas simulem uma inteligência similar à humana, ou seja, eles serão capazes de aprender, perceber e decidir, para que estes possam tomar decisões de forma independente, precisa e baseadas em dados.

A soma do Big Data, dos modelos de dados eficientes e da computação em nuvem, faz com que resulte em máquinas inteligentes, se tornando a equação básica da tecnologia da Inteligência Artificial.

Apesar disso, ensinar os computadores a pensar não é tão simples assim. Inteligência artificial é um conceito amplo que inclui tecnologias como o Machine Learning, processamento de linguagem natural e deep learning, por exemplo.

Todos esses termos compõe o que é a IA e sempre com a ideia de atingir raciocínio e atuação similares a dos humanos.

R - Introdução ao Machine Learning
Curso de R - Introdução ao Machine Learning
CONHEÇA O CURSO

Onde podemos encontrar inteligência artificial?

A IA está por todos os lugares e, muitas vezes, ela passa despercebida pelo nosso dia a dia.

Por exemplo, com a utilização do Machine Learning (uma aplicação de IA muito utilizada hoje em dia), um programa pode acessar um grande volume de dados e aprender com eles automaticamente, sem intervenção humana.

É o que acontece no caso das recomendações da Netflix e do Spotify, onde eles utilizam IA para entender as preferências dos usuários e fazer as melhores recomendações. Vale ressaltar que Machine Learning é apenas uma parte da inteligência artificial.

Outro exemplo é o Google Fotos, que reconhece o conteúdo de suas imagens e permite que você faça uma busca digitando o nome de um objeto ou ação.

O Gmail oferece respostas automáticas inteligentes para seus e-mails. Aplicativos de rotas como Google Maps e Waze, que são capazes de cruzar dados de inúmeros lugares para encontrar as melhores rotas, otimizando tempo e evitando problemas no trânsito.

Assistentes virtuais como a Siri e a Cortana também são bons exemplos.

Concluindo…

A IA está sendo muito utilizada e isso certamente fará com que a demanda por profissionais com conhecimento de ferramentas como Keras, Pybrain, Tensorflow, Azure Cognitive Services e IBM Watson tenha um sensível crescimento.

O mais interessante nesse mercado é que faltam profissionais que dominem ferramentas de Inteligência Artificial, o que pode fazer com que este mercado seja mais atrativo ainda.

Deixe seu comentário

Conheça o autor desse artigo

  • Foto Autor Marylene Guedes
    Marylene Guedes

    Responsável pelo sucesso do cliente na TreinaWeb. Graduada em Gestão de Tecnologia da Informação pela FATEC Guaratinguetá, além de estudante de UX/UI.

    Posts desse Autor

Artigos relacionados