O que é o Zend Framework?

O Zend Framework é um robusto Framework para o desenvolvimento de aplicações PHP, orientado à objetos e licenciado sobre a New BSD License (Licença de código aberto de domínio público).

Caso você não saiba, entenda o que é um Framework

Aqui no blog já possuímos um artigo que aborda “Para que serve um Framework”, mas em palavras mais simples, o framework é um facilitador no desenvolvimento de diversas aplicações e, sem dúvida, sua utilização poupa tempo e custos para quem utiliza, pois de forma mais básica, é um conjunto de bibliotecas utilizadas para criar uma base, onde as aplicações são construídas, um otimizador de recursos.

Possui como principal objetivo resolver problemas recorrentes com uma abordagem mais genérica. Ele permite ao desenvolvedor focar nos “problemas” da aplicação, não na arquitetura e configurações.

Zend Expressive - Microframework PHP
Curso de Zend Expressive - Microframework PHP
CONHEÇA O CURSO

De volta ao Zend Framework…

Multiplataforma e de fácil escrita, implementar códigos mais complexos com o Zend torna-se algo mais acessível, permitindo que os desenvolvedores utilizem componentes quando e onde fizerem sentido em suas aplicações, sem a necessidade da instalação de componentes desnecessários para um projeto.

É um Framework utilizado por grandes empresas, como Cisco, Serpro, AutoTrack, BBC, entre outras, e possui uma comunidade extremamente ativa.

Possui como características:

  • É escrito em PHP;
  • Também é possível trabalhar com modelos de banco de dados NoSQL e XML;
  • Possui suporte para múltiplos sistemas de bancos de dados, incluindo MySQL, Oracle, IBM DB2, Microsoft SQL Server, PostgreSQL, SQLite, e Informix Dynamic Server;
  • Possui gerenciamento de sessão;
  • Possui Componente nativo PHP para leitura, atualização e criação de documentos PDF;
  • Autenticação e autorização baseada em ACL (Controle de acesso);
  • Arquitetura “use-a-vontade”, que permite a reutilização de componentes, entre outras;

Padrão

Por padrão, o Zend Framework não implementa modelo arquitetural, porém há diversos componentes que utilizam o padrão MVC, comumente mais utilizado nos projetos.

Sendo assim, o Zend Framework permite que o desenvolvedor tenha total liberdade para definir a estrutura do seu projeto, porém, claro, é sempre bom seguir um padrão amplamente adotado pela comunidade, como o MVC.

Basicamente, o MVC funciona da seguinte forma:

Ao receber uma requisição, o Controller solicita ao Model as informações necessárias (que provavelmente virão do banco de dados), que as obtém e retorna ao Controller. De posse dessas informações, o Controller as envia para a View que irá renderizá-las.

Model: Parte lógica da aplicação que gerencia o comportamento dos dados, ou seja, todos os seus recursos (consultas ao BD, validações, notificações, etc). A camada de model apenas tem o necessário para que tudo aconteça, mas não sabe quando irá executar.

View: Gerencia a saída gráfica e textual da parte da aplicação visível ao usuário final, não possuindo a responsabilidade de saber quando vai exibir os dados, apenas como irá exibi-los.

Controller: Essa é a camada que sabe quem chamar e quando chamar para executar determinada ação, interpretando as entradas do mouse e teclado do usuário, comandando a visão e o modelo para se alterarem de forma apropriada.

Podemos então concluir:

O Zend Framework é um excelente Framework para criação de aplicações em PHP. Com ele podemos criar grandes projetos, com total segurança e desempenho. Neste artigo vimos algumas das suas principais características, e em seu site é possível realizar o download do Framework, além de encontrar toda sua documentação.

Deixe seu comentário

Graduanda em Sistemas de Informação pelo Instituto Federal da Bahia. É responsável pelo atendimento ao cliente, gerenciamento de redes sociais e revisão de cursos, além da redação de artigos para o blog da TreinaWeb.

© 2004 - 2019 TreinaWeb Tecnologia LTDA - CNPJ: 06.156.637/0001-58 Av. Paulista, 1765, Conj 71 e 72 - Bela Vista - São Paulo - SP - 01311-200