Project Stream: Netflix de jogos da Google

Sabemos que a Netflix revolucionou o mercado de consumo de filmes e séries através da internet. Até pouco tempo atrás, era inimaginável que teríamos um serviço tão bom e que permitisse a comodidade de assistir Filmes e Séries sem sair de casa e a um toque do controle remoto de distância. Porém, o stream de vídeos é um pouco simples pois não há nenhuma interação dos dois lados, o vídeo é executado e exibido na sua TV.

Agora, imagine um jogo onde os comandos executados através do joystick tivessem que ser interpretados, executados no servidor e retornados para sua tela, tudo de forma remota… Complicado, né? Bom, segundo a Google, isso é possível e você só vai precisar do seu navegador para isso.

O que é o Project Stream?

Segundo a Google, o Project Stream é um serviço que visa facilitar a execução de jogos sem que seja necessário o usuário possuir um computador com grandes configurações, como placas de vídeo, processadores e memória ram de alto desempenho. Segundo Catherine Hsiao, product manager da Google, “Ao transmitir fimes ou séries, os usuários ficam confortáveis com alguns segundos de buffer antes de tudo começar.” Porém, para o streaming de jogos, esse buffer é inviável, já que alguns segundos de delay podem fazer toda a diferença para a experiência em sua jogatina.

Sendo assim, o Project Stream da Google visa possibilitar que os jogos possam ser executados diretamente dos seus servidores, porém tudo controlado a partir do computador do jogador.

Por onde jogar?

A idéia da Google é que todos os jogos que sejam disponíveis a partir da sua plataforma sejam executados diretamente do Google Chrome, seu navegador de internet. E porque isso é tão bom?
Primeiro, não precisamos instalar nada além do Chrome (que, talvez, já seja seu navegador principal). Segundo (e mais importante) é que, pelo Chrome ser multiplataforma, não estaremos mais presos a determinados sistemas operacionais, tudo poderá ser feito através do seu SO favorito (Windows, Linux ou MacOS):

Mas, e ai, funciona mesmo?

No dia 12 de outubro de 2018, a Google abriu seu projeto para open beta (qualquer usuário poderia testar, desde que morasse nos EUA 🙁 ) para testar com o novo Assassin’s Creed Odyssey, um jogo extremamente pesado. Dos vários relatos obtidos pela internet, a solução funciona muito bem, desde que você tenha uma internet de qualidade (cerca de 40 mbps), o que é totalmente compreensível. Também há alguns relatos negativos, porém, por ser um serviço beta, também é bem comum.

Concluindo

Com o Project Stream, a Google entra em um novo nincho de mercado, tentando revolucionar a forma de como os jogos são executados. Se até ontem você tinha que comprar um computador “parrudo” para conseguir jogar os principais lançamentos do momento, creio que isso está prestes a mudar!

Deixe seu comentário

Professor na TreinaWeb e graduando em Sistemas de Informação pelo Instituto Federal da Bahia. Apaixonado por desenvolvimento web, desktop e mobile desde os 12 anos de idade. Já utilizou todos os sistemas operacionais possíveis, mas hoje se contenta com o OSX instalado em seu notebook Samsung. Até passou em uma peneira do Cruzeiro, mas preferiu estudar Python.

JUNTE-SE A MAIS DE 150.000 PROGRAMADORES