Saiba como se tornar um Desenvolvedor Mobile

Estamos vivendo uma realidade onde a maioria dos usuários acessam a internet através de um dispositivo móvel, ou mesmo onde bilionárias companhias nascem como um simples aplicativo. Têm se tornado importante que empresas disponibilizem um aplicativo para seus usuários. Até eventos sazonais ou únicos disponibilizam aplicativos, por saber que o usuário irá se interagir melhor dessa maneira.

Nunca se viu uma adoção tão rápida de tecnologia como a que ocorre com dispositivos móveis. Com isso, as demandas e exigências para o produto só vem aumentando com o passar do tempo. E como consequência, uma profissão que tem se destacado é a de desenvolvedor mobile.

É senso comum que o profissional de TI, no geral, é muito requisitado. Só que dentro desse grupo, o desenvolvedor mobile têm se destacado. Então, caso queira entrar na área de TI, esta pode ser uma boa porta de entrada.

Android - Básico
Curso de Android - Básico
CONHEÇA O CURSO

Background

Antes de iniciar o estudo no desenvolvimento móvel, é importante ter um background amplo em relação a desenvolvimento. Um profissional que tenha uma visão da indústria como um todo terá mais vantagens do que um focado apenas em uma área.

Assim, antes de focar, aprimore os seus conhecimentos em:

  • Princípios de segurança e design de software;
  • Processos de desenvolvimento de softwares, incluindo o ciclo análise-desenvolvimento-teste-lançamento-manutenção;
  • Metodologias de desenvolvimento, como Ágil, Scrum, etc;
  • Saber uma ou mais linguagens de programação, preferencialmente linguagens que possuam mais demanda, como: SQL, Java, JavaScript, C#, C++, Python, PHP, Ruby e Swift;

Ah, claro, apesar de não ter relação direta com desenvolvimento, estudar inglês é muito importante. A maioria das documentações, tutorias e livros estarão nessa linguagem. Ter o inglês como segunda língua pode trazer vantagens até na hora de procurar um emprego.

Foco

Aprender a desenvolver um aplicativo móvel não é tão simples, assim, o ideal é focar em algo. Mas como fazer isso?

Há diversas opções para o desenvolvedor mobile, desde de plataformas, como: Android, iOS, Windows Mobile, Tizan, etc; até serviços que facilitam o desenvolvimento dos aplicativos, como: Appery.io, Appcelerator, AppInstitute, etc. Ainda assim as empresas costumam optar por aplicativos nativos dos dois maiores player’s da área: iOS e Android.

Desses dois, o que mais se destaca é o Android, devido ao seu grande market share. Em 2016, quase 90% dos smartphones ativos no mundo utilizavam este sistema.

O Android é uma ótima plataforma para se focar inicialmente e a sua curva de aprendizado não é muito acentuada. O futuro desenvolvedor precisará estudar a linguagem Java e a biblioteca da plataforma que, por sinal, é muito bem documentada. Estudar o NDK, que permite adicionar códigos nativos (escritos em C/C++) pode se tornar um diferencial.

Mesmo sendo tão competitivo quanto, o iOS tem uma desvantagem em relação ao Android: enquanto o segundo pode ser estudado utilizando qualquer tipo de computador, a Apple só disponibiliza as ferramentas do iOS para MacOS. Portanto, é preciso adquirir um dispositivo desta plataforma (e não é barato). Depois, o desenvolvedor pode optar por estudar as linguagens Swift e/ou Object-C. Ambas são suportadas pelo SDK do iOS. Devido a facilidade e “atualidade”, recomenda-se o estudo do Swift.

Também é importante citar a existência das aplicações híbridas, que são as criadas com base em uma biblioteca e que podem ser portadas para as principais plataformas móveis. Atualmente, as principais bibliotecas com esse tipo de suporte são: Cordova, Ionic e React Native. Neste caso, as aplicações são criadas utilizando tecnologias web, portanto, o desenvolvedor deverá focar os seus estudos em HTML5, CSS e JavaScript.

(O TreinaWeb disponibiliza diversos cursos relacionados às principais tecnologias web do momento.)

Persistência é tudo

Aprender algo novo não é simples. Poucas coisas irão mostrar algum resultado imediato, e por mais que em um minuto se consiga sair do “zero” a um “Hello World”, o estudo do desenvolvimento de um software (não importando a plataforma) requer tempo e dedicação.

É importante ter paciência, não se aprende a criar algo complexo da noite para o dia. Como um jogo de vídeo game, conforme se progride, mais se aprende, mais habilidades se obtêm, até estar preparado para derrotar o chefe final (ou criar a aplicação matadora, no nosso contexto).

Outro ponto importante é praticar. Quanto mais praticar, mais experiência você acumulará. É na prática que passamos por diversos erros e, com a busca de soluções, virá o conhecimento sobre quais são os melhores fóruns, sites, livros, etc; que irão nos auxiliar.

Mesmo que no início tudo pareça penoso e complicado, somente não desistindo que se conseguirá ver as coisas dando certo. Esse é um daqueles “clichês” bem verdadeiros, se levado a sério.

No TreinaWeb você encontra cursos completos de Java e também cursos completos relacionados ao desenvolvimento mobile.

Até a próxima!

Kotlin com Android - Primeiros Passos
Curso de Kotlin com Android - Primeiros Passos
CONHEÇA O CURSO
Deixe seu comentário
© 2004 - 2019 TreinaWeb Tecnologia LTDA - CNPJ: 06.156.637/0001-58 Av. Paulista, 1765, Conj 71 e 72 - Bela Vista - São Paulo - SP - 01311-200