Bancos de Dados

Vale a pena entrar no mercado de Big Data?

Veja nesse artigo quais são as habilidades essenciais para trabalhar com Big Data e a posição que ele tem ocupado na avaliação do mercado.

mais de 4 anos atrás

Nunca tivemos um volume de dados tão grande e variado quanto temos atualmente. Para se ter uma noção, só o Facebook gera ==64 terabytes== de dados por dia. Outras empresas como a Google e a Amazon também estão nesse nível.

Python - SQLAlchemy ORM
Curso Python - SQLAlchemy ORM
Conhecer o curso

Por causa dessa superlotação de dados e informações, as empresas necessitam de profissionais que façam a análise desses dados a fim de obter informações importantes para o negócio (como informações sobre o consumidor e o mercado) e até mesmo aumentar receitas.

A utilização do Big Data e da análise de dados pode gerar bons resultados para a empresa que a utilizar, além do poder de inovação que isso pode trazer. Sendo assim, o crescimento dessa tecnologia nos próximos anos é ainda maior.

Através de um estudo da Robert Half, foi apresentado as 10 áreas mais promissoras para esse ano. Podemos ver que no topo estão os cientistas de dados e os engenheiros de Big Data.

Flutter - Fundamentos
Curso Flutter - Fundamentos
Conhecer o curso

Ainda é difícil encontrar mão de obra especializada para integrar esse time de Big Data. Em relação à formação acadêmica, é difícil falar qual exatamente é direcionada a esse ramo, porém as empresas geralmente buscam profissionais com formação em TI, Matemática, Estatística ou Negócios.

Listamos aqui alguns conhecimentos necessários que podem te ajudar a entrar nessa área.

  • Programação: É necessário conhecer pelo menos um pouco de alguma linguagem de programação como, por exemplo, Python, Java, GO etc. Pacotes de análise de dados como o SAS por exemplo, requerem conhecimento em programação. A programação permite que o profissional extraia ao máximo dos dados, além de ser um diferencial na hora de concorrer a uma vaga.

  • Lógica: O pensamento lógico é bastante utilizado para realizar as análises. Se você tem conhecimento em programação ou já trabalhou com isso, você tem seu pensamento lógico muito mais desenvolvido.

  • Habilidade com números: Talvez esse seja um problema para alguns, mas é necessário conhecimento em conceitos matemáticos e estatística.

  • Banco de dados: No processo de análise de dados, interações com banco de dados são necessárias, então se você compreender um pouco de banco de dados será um ponto positivo.

Lembre-se que não é porque uma área está em alta que você deve seguí-la. Primeiramente você tem que se interessar pelas atividades a serem desenvolvidas no dia a dia e se sentir satisfeito com o trabalho e, é claro, estudar, pois é uma área em que deve-se estar em constante aprendizado.

Desenvolvedor Python
Formação Desenvolvedor Python
Conhecer a formação

Autor(a) do artigo

Marylene Guedes
Marylene Guedes

Responsável pelo sucesso do cliente na TreinaWeb. Graduada em Gestão de Tecnologia da Informação pela FATEC Guaratinguetá, além de estudante de UX/UI.

Todos os artigos

Artigos relacionados Ver todos