Carreira Desenvolvimento Dicas para impulsionar sua carreira como desenvolvedor

Se você deseja impulsionar sua carreira, separamos algumas dicas para você se destacar como desenvolvedor.

Marylene Guedes 24 de fevereiro de 2020

Sabemos que, hoje em dia, um profissional precisa conseguir se manter no mercado e, para isso, ele não pode ficar parado. Ele deve estar em constante aprimoramento em busca de suas metas e objetivos, que podem ser a conquista de uma determinada vaga, ser promovido ou qualquer outra coisa que você almeje.

Se você deseja impulsionar sua carreira, separamos algumas dicas para você se destacar como desenvolvedor.

Aprenda os conceitos de clean code

Atualmente, o mercado exige que os desenvolvedores não “programem” simplesmente. Muitas empresas desejam profissionais que possuem domínio de boas práticas e noções de arquitetura – o famoso “código limpo”.

Por isso, é importante colocar esses conceitos em prática, para evitar que seu código fique mal escrito ou tenha funcionalidades que não foram implementadas da maneira correta. Além disso, acaba dificultando outra pessoa de entender o código e principalmente na hora da manutenção.

Confira algumas dicas em nosso artigo “Dicas para manter seu código limpo e legível”.

Git e GitHub - Controle de versão
Curso de Git e GitHub - Controle de versão
CONHEÇA O CURSO

Git está virando o “básico”

O Git é muito utilizado pelos desenvolvedores, muito mesmo. Então é importante que você, como desenvolvedor, saiba utilizar o Git de verdade, não somente o básico. Existem muitos comandos úteis que nos ajudam a facilitar o trabalho.

Além do curso de Git em nossa plataforma, temos artigos que explicam sobre o GIT e seus comandos em nosso blog. Dê uma conferida em: Comandos do Git que você precisa conhecer – Parte 1 e Comandos do Git que você precisa conhecer – Parte 2 – Repositórios Remotos.

Compartilhe seus conhecimentos com outras pessoas

Escrever um post sobre alguma tecnologia nova ou até mesmo criar um tutorial é uma ótima opção para você compartilhar seus conhecimentos e trocar experiências. A produção de conteúdo relevante pode ajudar muito a quem lê, além do engajamento que você terá com essas pessoas. Com isso, você consegue aproveitar e utilizar melhor seus conhecimentos ajudando o próximo.

Se você não tiver um blog, pode criar no seu próprio LinkedIn, pois a interação do LinkedIn está crescendo a cada dia mais.

Contribua em projetos open source

Se você gosta e trabalha com uma ferramenta “X” e ela for open source, por que não contribuir? Além de você participar no desenvolvimento de um grande projeto, você ainda trabalha com outros desenvolvedores que podem ser de até outros países. É uma ótima forma de você aprender também, pois estará vendo o código de outras pessoas e vai precisar não só entender o mesmo, mas interagir com ele.

Não há maneira melhor que conhecer desenvolvedores mais experientes do que em projetos open source. Lá você irá compartilhar e absorver conhecimentos.

Construa um portfólio

Essa é até uma dica já batida aqui, mas é sempre importante ressaltar. O portfólio é importante para você mostrar de uma forma “concreta” o que você sabe fazer. Você pode juntar seus melhores projetos desenvolvidos, sejam eles para empresas, faculdade ou até projetos pessoais. Assim, algum recrutador ou alguém que saiba de alguma vaga pode ver seus projetos, o que pode te resultar em novas oportunidades.

Novamente o LinkedIn nos auxilia nisso, você pode postar um mini vídeo de uma aplicação que você acabou de desenvolver, um print de um projeto de estudo… Tudo isso mostra o que você está fazendo naquele momento e aguça a curiosidade dos demais – aqui novamente entram as interações. Fora isso, ainda mostra que você é uma pessoa que sempre está buscando aprender.

Também temos um artigo sobre como dar um up em sua carreira, acesse em Como turbinar sua carreira em 2020 e confira novas dicas =)

Desenvolvedor Front-end
Formação: Desenvolvedor Front-end
HTML, CSS e JavaScript são a base de toda a web. Tudo o que você está vendo aqui agora depende deste tripé. Nesta formação vamos iniciar aprendendo lógica. Em seguida veremos todos os aspectos do HTML, CSS e JavaScript. Por fim, aprenderemos Sass, Google Analytics, empacotar nossas aplicações com Webpack, criação de aplicações Desktop com Electron, UX/UI e uma introdução aos frameworks mais utilizados no mercado: Angular, React, Vue e Ember.
CONHEÇA A FORMAÇÃO
Deixe seu comentário

Conheça o autor desse artigo

  • Foto Autor Marylene Guedes
    Marylene Guedes

    Responsável pelo sucesso do cliente na TreinaWeb. Graduada em Gestão de Tecnologia da Informação pela FATEC Guaratinguetá, além de estudante de UX/UI.

    Posts desse Autor

Artigos relacionados